Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A capital cearense poderá ter, em até três anos, um navio de cruzeiro baseado na cidade para realizar roteiros pelo Nordeste. A ideia é receber turistas norte-americanos, canadenses, europeus, sul-americanos e brasileiros via modal aéreo e, a partir da Capital, conectá-los a roteiros turísticos pela Região. 

A informação foi confirmada pelo presidente da Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Clia Brasil), Marco Ferraz, que disse ainda já estar negociando com empresas de cruzeiros e com o Estado. 

Segundo Ferraz, a não exigência de visto para norte-americanos e canadenses e a demanda de europeus por cruzeiros podem resgatar esta estratégia, mas, dessa vez, em Fortaleza.  Ainda conforme Ferraz, para esta temporada, a Capital espera receber 10 navios entre escalas e cabotagem. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp