Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A partir desta quinta-feira (14), o Ônibus da Vacina, ação da Cruz Vermelha Brasileira (CVB) que já percorreu diversas capitais com sua unidade móvel, chega a Fortaleza para atender a população moradora de territórios vulneráveis, que por alguma razão não teve acesso ao imunobiológico contra a Covid-19.

De acordo com o prefeito José Sarto, a iniciativa será um reforço relevante na campanha de imunização contra a Covid-19 na Capital.

“Com essa importante parceria, vamos ofertar o imunobiológico às pessoas que ainda não tiveram acesso. Em nome dos fortalezenses, agradeço à Cruz Vermelha Brasileira pela sensibilidade de contribuir com a imunização na nossa Cidade”, afirmou o prefeito.

O ônibus deve permanecer em Fortaleza do dia 14 de outubro a 9 de novembro, das 9h às 17h, de segunda-feira a sábado, percorrendo 12 bairros. Serão atendidos moradores da área que ainda não receberam sua dose da vacina contra a Covid-19. O veículo tem capacidade de atender até 400 pessoas por dia.

“A ação do ônibus surgiu após notarmos a necessidade de fornecer cada vez mais esforços à vacinação contra a Covid-19, especialmente no âmbito da busca ativa, já que há grupos que precisam ser atendidos com um olhar especial de acordo com as suas características específicas. Assim, o nosso trabalho humanitário tem o intuito de salvar o maior número de vidas e, para isso, a democratização das vacinas é imprescindível”, afirma Júlio Cals, presidente nacional da Cruz Vermelha Brasileira (CVB).

No último sábado (09), os profissionais da Cruz Vermelha que irão trabalhar na unidade móvel receberam capacitação da equipe de vacinação da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) no Centro de Eventos. Cerca de 20 voluntários foram capacitados para o atendimento de triagem e registro das doses. Os vacinadores são profissionais da Prefeitura de Fortaleza.

“Essa ação se mostra relevante quando pretendemos alcançar a cobertura máxima da vacinação e por ser, sobretudo, direcionada para público de maior vulnerabilidade social”, ressalta Ana Estela Leite, secretária da Saúde de Fortaleza.

Documentos necessários

Para ter acesso ao serviço, é necessário apresentar identidade (com foto), CPF, Cartão Nacional de Saúde (CNS) e comprovante de residência. No caso da aplicação de segunda ou terceira dose, é necessário apresentar o cartão de vacinação.

Cronograma do Ônibus da Vacina

14/10: Praça Carandiru (Av. Tenente Lisboa, s/n – Carlito Pamplona)
15/10: Praça Carandiru (Av. Tenente Lisboa, s/n – Carlito Pamplona)
16/10: Praça Carnaubal (Rua Carnaubal com Rua Raimundo Bizarria – Floresta)
18/10: Praça das Docas (Av. Vicente de Castro com Av. José Saboia – Cais do Porto)
19/10: Praça das Docas (Av. Vicente de Castro com Av. José Saboia – Cais do Porto)
20/10: Av. Padre Joaquim Colaço Dourado, 190 – Vicente Pinzón
21/10: Av. Padre Joaquim Colaço Dourado, 190 – Vicente Pinzón
22/10: Areninha Pici ( Av. Coronel Matos Dourado com Rua Franco Rocha – Pici)
23/10: Areninha Pici ( Av. Coronel Matos Dourado com Rua Franco Rocha – Pici)
25/10: Areninha Lagoa do Opaia (Av. Lauro Vieira Chaves, s/n – Vila União)
26/10: Areninha Lagoa do Opaia (Av. Lauro Vieira Chaves, s/n – Vila União)
27/10: Areninha Planalto Ayrton Senna (Rua Juventude com Rua Quixadá – Planalto Ayrton Senna
28/10: Areninha Planalto Ayrton Senna (Rua Juventude com Rua Quixadá – Planalto Ayrton Senna
29/10: Praça Santa Cecília (Av. Coronel Virgílio Nogueira com Rua Coronel João Correia – Granja Lisboa)
30/10: Praça Santa Cecília (Av. Coronel Virgílio Nogueira com Rua Coronel João Correia – Granja Lisboa)
01/11: Areninha do Servilha (Rua José Mendonça – Genibaú)*
02/11: Areninha do Servilha (Rua José Mendonça – Genibaú)*
03/11: Rua Irmão Olimpio, 197 – Jangurussu
04/11: Rua Irmão Olimpio, 197 – Jangurussu
05/11: CITS São Bernardo (Rua 24 de Novembro, 555 – Messejana)
06/11: CITS São Bernardo (Rua 24 de Novembro, 555 – Messejana)
08/11: Residencial José Euclides (Rua A, quadra 10 A – Ancuri)

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp