Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

De acordo com o último Informe Semanal sobre a Covid-10 emitido pela Secretaria Municipal de Saúde (SMS), Fortaleza vem experimentando uma redução de 39% na média móvel de casos e de óbitos nos últimos 14 dias. Desde o início da pandemia, em março do ano passado, foram 195.360 casos registrados na capital e 7.503 óbitos. Comparando com a semana epidemiológica anterior, foram 8.697 casos novos e 342 óbitos, apesar dos números altos, o número de casos por dia foi reduzido em 75% com relação a quinzena anterior.

A Regional V lidera o número de novos casos, totalizando 1.308, na 16ª Semana Epidemiológica, como também os óbitos – 64 (igual número da Regional II). A proporção de positividade das amostras RT-PCR de residentes em Fortaleza passou de 38,1% parra 38,7% de uma semana para a outra. O aumento de casos e óbitos da segunda onda tiveram início em novembro do ano passado e teve seu pico de janeiro a março. No dia 18 de março deste ano foram registrados 68 óbitos por Covid-19, maior numero em 24 horas desde março de 2020. Já em abril o quadro começou a se estabilizar, hoje chega a 30 óbitos, em média, número ainda alto, segundo as autoridades de saúde.

Analisando apenas a segunda onda, que teve início em outubro, houve uma desaceleração entre novembro e dezembro, mas no início deste ano a média de casos cresceu, em comparação aos meses anteriores, ficando 48% a mais em janeiro, 88% em fevereiro e 17% em março. Em abril, preliminarmente, verificou-se uma redução discreta de 13%. Para a SMS deve-se considerar que a expansão da testagem contribui para uma média diária de casos superior à observada nos primeiros meses da pandemia em 2020 (abril e maio).

A média diária de óbitos em março se aproximou de cinquenta mortes e alcançou 45 mortes nos quinze primeiros dias de abril. Conforme o informe semanal, 74% dos casos e 25% das mortes foram confirmados na população de 20-59 anos; 19% dos casos e 74% das mortes foram confirmadas no grupo com 60 anos e mais; e a maioria dos pacientes que morreu era do sexo masculino (55%).

Bairros

O bairro do Mondubim, na Regional VI, lidera o número de óbitos na Capital, totalizando 197 até a 16ª Semana Epidemiológica; seguido pelo Meireles, na Regional II, com 192; Barra do Ceará, com 191 mortes; Prefeito José Walter, com 179; Aldeota, com 166; Centro, com 161; Vila Velha, com 160 e Messejana, com 143. Com relação aos casos de Covid-19, Messejana está em primeiro com 6.673 casos; Aldeota, com 5.728; Meireles, com 5.447; Mondubim e Centro, com 3.760 casos cada; Jangurussu, com 3.407; Barra do Ceará, com 3.354 e Conjunto Ceará I, com 3.210 casos. O Regional que teve mais casos registados com relação à semana anterior foi a III, com 728 novos casos.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp