Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Anunciada desde o dia 1º desse mês, a greve dos funcionários dos Correios do Ceará começou oficialmente nesta segunda-feira. A paralisação ocorre em todo o país. Em nota,  o Sindicato dos Trabalhadores em Correios e Telégrafos e Similares do Estado do Ceará (SINTECT-CE) disse que a paralisação deve seguir por tempo indeterminado.

A direção dos Correios, por sua vez, alerta que a greve vai “agravar ainda mais a situação delicada pela qual passam em empresa e afeta todos os próprios empregados”.

O coordenador do Sindicato dos Trabalhadores em Correios, Telégrafos e Similares do Estado do Ceará (SINTECT-CE), Luís Francisco Moreira Santiago que será divulgado nesta terça um balanço da quantidade de agências fechadas.

Alguns funcionários realizaram um ato nesta segunda-feira na sede Central dos Correios no Centro da capital cearense. O coordenador afirmou que os serviços como atendimento, tratamento e distribuição estão parados.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp