Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os jovens do Distrito de Preá, em Cruz, no Litoral Norte do Estado, passam a contar com a Escola de Ensino Médio (EEM) Raimunda Silveira de Souza Carneiro. A inauguração será nesta quinta-feira (22), às 17 horas, com a presença do governador Camilo Santana, que também entrega a obra de pavimentação da CE-182, no trecho de 12,74 km de extensão, que vai entrocamento da CE-085 – Praia do Preá.

CE-182

A CE-182, estrada que leva à Praia de Jericoacoara, Litoral Oeste, pela Praia do Preá, recebeu obras de pavimentação asfáltica. O trabalho vai melhorar a circulação de turistas, promovendo o crescimento da atividade econômica, além de facilitar o trânsito de moradores dos municípios de Jijoca de Jericoacora, Cruz e outras localidades da região.

A obra foi realizada pela Secretaria do Turismo do Ceará (Setur), com interveniência do Departamento Estadual de Rodovias (DER). Os serviços foram concentrados no trecho entre o entroncamento da CE-085 – uma das principais vias de acesso ao Litoral Oeste cearense – e a Praia do Preá, no município de Cruz. O investimento na obra foi de R$ 4.680.367,93, do Tesouro Estadual. A obra contou com serviços de movimentação de terra, drenagem, pavimentação, obras d’artes correntes, sinalização horizontal e vertical e proteção ambiental.

EEM Raimunda Silveira de Souza Carneiro

A EEM recebeu aporte financeiro no valor de R$ 4,2 milhões, oriundos dos Governos Estadual e Federal. O investimento foi utilizado para construir, mobiliar e equipar o novo espaço. O secretário Idilvan Alencar participa do evento.

Os alunos, que anteriormente eram vinculados à Escola de Ensino Médio São Francisco da Cruz, e assistiam às aulas em um prédio pertencente à Associação de Moradores do Preá, agora terão uma estrutura adequada para o ensino e a aprendizagem. A nova unidade oferece oito salas de aula com capacidade para atender até 320 estudantes em cada um dos três turnos. Vai dispor de dois laboratórios de informática, quatro laboratórios de ciências (física, química, biologia e matemática), quadra coberta, anfiteatro e dependências administrativas. A área construída foi acompanhada pela Secretaria da Infraestrutura do Estado (Seinfra), por meio do Departamento de Arquitetura e Engenharia (DAE).

Entre os projetos desenvolvidos pela escola estão o Ensino Afro-indígena, a Educação Fiscal, a abordagem da Lei Maria da Penha, e o Jovens que Inspiram (realizado pelo Grêmio Estudantil).

Homenageada

Raimunda Silveira de Souza Carneiro, que dá nome à escola, nasceu em 29 de agosto de 1941, em Caiçara, distrito de Cruz. Sua família foi referência nas primeiras inciativas educacionais e religiosas da comunidade. Seus pais trouxeram e bancaram a primeira professora da região. Raimunda semeou a caridade e a honestidade, refletindo estas característica nos 13 filhos que teve. Faleceu no dia 28 de abril de 1984, aos 42 anos.

A EEM faz parte da Coordenadoria Regional de Desenvolvimento da Educação (Crede) 3, sediada em Acaraú. A rede estadual na região passa a contar agora com 31 escolas, sendo 3 Escolas Estaduais de Educação Profissional, 3 Escolas de Ensino Médio em Tempo Integral, 09 Escolas Indígenas e 16 Regulares.

Com informações do Governo do Estado