Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Um homem de 32 anos que já responde por roubo e homicídio pulou do primeiro andar de uma residencia ao tentar fugir da polícia. Segundo a Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) o caso ocorreu no Bairro Barroso, em Fortaleza.

O rapaz no momento da abordagem, para não ser capturado fugiu e pulou do 1º andar de uma residência. Na queda quebrou as duas pernas. O homem foi preso e socorrido para o Hospital Instituto Doutor José Frota (IJF), no Centro de Fortaleza, onde segue internado sob escolta policial.

Segundo a delegada Cláudia Guia, da DHPP, o homem é investigado pela morte da sua companheira. O crime aconteceu no dia 7 de setembro do ano passado, na residência onde eles moravam, na Rua Umarizeiras, no bairro Tancredo Neves.  As investigações apontaram que o homem assassinou a mulher, após uma discussão. A delegada disse ainda que a vítima não aceitava que o companheiro abandonasse o emprego para voltar ao “mundo do crime”.

“Descobrimos que a Renata trabalhava como confeiteira aqui em Fortaleza, e não aceitava que o Tiago voltasse a cometer crimes, por conta disso, eles tiveram uma discussão que culminou com ele disparando na cabeça da vítima, que chegou a ser socorrida, porém chegou sem vida no hospital. Já Tiago, fugiu utilizando o carro do cunhado de Renata, que foi abandonado logo após, e desde então era procurado.”, afirmou Cláudia.

Com informações G1 – CE