Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Uma ação desenvolvida pela Polícia Civil do Estado do Ceará, por meio de um trabalho de investigação da Delegacia Municipal de Uruburetama, resultou na prisão de dois homicidas, nesta terça-feira (24). As capturas foram resultados dos cumprimentos de mandados de prisões e também de buscas e apreensões, nesta manhã, em Uruburetama – Área Integrada de Segurança 17 (AIS 17).

Francisco Jeneisson Ferreira Leitão (26) – sem antecedentes – e Francisco Joilson Feitosa de Lima (25) – com passagens pela Polícia por tráfico e posse ilegal de arma de fogo – foram presos no Centro do município, por serem suspeitos de serem autores do crime de morte, que vitimou Marcos Paulo Linhares de Sousa (20) – conhecido por “Din” – no dia 23 de setembro de 2016.

Conforme o delegado regional de Itapipoca, Harley Filho, que estava à frente das apurações, a motivação do crime seria em razão da disputa por territórios para o trafico de drogas. No dia 27 de dezembro de 2016, Francisco Joilson já havia sido preso, em Tururu (AIS 17), por posse ilegal de arma de fogo. Por meio de uma microcomparação balística, realizada pela Perícia Forense do Estado do Ceará (Pefoce) e solicitada durante o andamento das investigações do homicídio, foi constatado que se tratava da mesma arma utilizada no crime que vitimou “Din”.

Ainda por meio do trabalho investigativo, a Polícia também identificou o mandante da morte, como Francisco Rodrigues Lima Junior (30) – vulgo “Júnior Lajeiro” – que se encontra preso na Cadeia Pública de Uruburetama, onde responde por tráfico de drogas. Os envolvidos foram indiciados no artigo 121 do Código Penal Brasileiro, por homicídio duplamente qualificado; e também no artigo 35 da Lei de Tóxicos, que consiste no crime de associação para o tráfico. A Polícia Civil mantém as investigações, bem como as diligências, no intuito de prender os demais envolvidos na ação criminosa.

Fonte: SSPDS