Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os mais de 30 milhões de aposentados, pensionistas e segurados do INSS podem programar seus orçamentos.

Depois de terem recebido, no ano de 2018, o menor reajuste desde 1995, a previsão para o ano que vem é que a correção fique entre as menores já aplicadas.

Segundo projeção do Ministério do Planejamento, aposentados com renda mensal de mais de um salário mínimo terão reajuste de 4,2%.

A correção foi de 2,07% em 2018.

Com isso, em 2019, espera-se que o teto dos benefícios previdenciários passe de R$ 5.645,80 para R$ 5.882,93.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp