Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Como medida protetiva, foram suspensas as atividades presenciais da Universidade Estadual do Ceará (Uece), do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) e da Universidade de Fortaleza como forma de evitar o contágio da Covid-19 entre alunos e funcionários. Na Uece, com 28 mil alunos, não haverá aulas até 31 de março. Já no IFCE, as atividades seguem paralisadas até sexta-feira (20).

Ao todo são 13 campi da Uece, em 10 cidades, que compreende 1.096 professores e 386 trabalhadores técnico-administrativos efetivados. A Unifor anunciou que vai suspender as atividades letivas presenciais da Graduação, Pós-Graduação, Educação Executiva e cursos gratuitos do Centro de Formação Profissional a partir desta segunda-feira (16). A medida vale até o próximo dia 31 de março.

Já no IFCE, com cerca de 39 mil alunos, sendo 8 mil em Fortaleza, e 3.600 servidores, entre docentes e técnicos administrativos, as atividades foram suspensas em todos 33 campi da instituição e no Polo de Inovação Fortaleza. Os setores administrativos e a reitoria funcionarão em regime de plantão entre os servidores e os terceirizados para evitar aglomerações.

Também será adotada a modalidade de home office, quando o trabalho é realizado em casa. Todos os eventos institucionais agendados até o dia 20 estão suspensos no IFCE.

O Ceará tem três casos confirmados da doença, de acordo com a Secretaria Estadual da Saúde (Sesa). Nesta segunda-feira (16), o Comitê Estadual de Enfrentamento à Pandemia do Coronavírus se reúne para discutir o assunto.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp