Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Em tendência de queda, o custo de vida dos brasileiros continua em queda. Assim como a inflação oficial, o Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) caiu em seis das sete capitais apuradas pela Fundação Getulio Vargas (FGV) na última quadrissemana de abril. Na média mensal, o índice recuou de 0,31% para 0,12%, acumulando alta de 4,17% nos últimos 12 meses.

Em Salvador, foi verificada a maior queda de preços entre as capitais, revertendo a inflação de 0,12% registrada na semana anterior. Com isso, a capital baiana passou a registrar uma deflação de 0,53%. São Paulo também passou a registrar uma variação negativa de preços de 0,10%.

Já em Belo Horizonte, que já havia registrado deflação, a queda foi ampliada de 0,12% para 0,23%. As outras capitais, ainda que registrem inflação, também tiveram decréscimo nos preços. São elas Brasília, cuja alta passou de 0,35% para 0,21%; Recife, de 0,48% para 0,30%; e Rio de Janeiro, com uma redução de 0,85% para 0,62%. Apenas Porto Alegre registrou uma leve alta no IPC-S, de 0,32% para 0,37%.

Em ritmo constante de queda, a inflação está cada vez mais próxima do centro da meta perseguida pelo Banco Central, de 4,5%. Nos últimos 12 meses encerrados em março, a inflação oficial ficou em 4,57%.

Fonte: Portal Brasil, com informações da FGV