Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
O último domingo de julho foi animado no litoral com a realização da I Regata de Jangadas de Caucaia, a Rejac. Além da disputa, que empolgou o público no Cumbuco, diversas atrações culturais e artísticas fizeram parte da programação ontem (29/7). Foi o marco do fim das férias, uma promoção da Secretaria Municipal de Turismo e Cultura (SetCult) em parceria com a Colônia de Pescadores Z-7.
“É uma alegria grande chegar no Cumbuco e encontrar a praia cheia, ver tanta gente aproveitando de forma sadia o município. Essa Regata de Jangadas resgata uma tradição histórica de Caucaia com os pescadores e nos aproxima cada vez mais deles”, celebrou o prefeito Naumi Amorim.
 O gestor acredita que a boa repercussão do evento vai atrair ainda mais gente para as próximas edições. “O Cumbuco está crescendo e mudando para melhor. Instalamos recentemente o letreiro turístico na praça e já vimos muitas pessoas tirando fotos, publicando nas redes sociais. Vamos trazer ainda mais melhorias e promover como nunca o turismo por aqui”, pontuou.
 Secretário municipal de Turismo e Cultura, Paulo Guerra afirmou que “as férias em Caucaia foram encerradas com chave de ouro”. Ele celebrou a iniciativa de trazer de volta a disputa de regatas. “Esse evento entra definitivamente no roteiro turístico e cultural de Caucaia. É um momento histórico”, vibrou o secretário.
 Quem também comemorava a realização do evento era o presidente da Colônia de Pescadores Z-7 de Caucaia, Ari Silva. “É difícil explicar a alegria de presenciar um momento como esse, que traz a valorização dos pescadores e também a valorização do Cumbuco. Ver toda essa movimentação de jangadas no mar nos dá um orgulho imenso.”
A família de Ana Paula, de Fortaleza, não sabia da Regata até chegar ao Cumbuco. “A gente viu a movimentação grande e disseram que iria ter a competição de jangadas. O passeio ficou ainda mais divertido”, comemorou.
 A disputa contou com 20 jangadas. Do primeiro grupo, composto por oito jangadas do tipo “paquete pequeno” (tripulada por três pescadores), venceu a jangada Jabulane. Já o grupo de maior porte, com jangadas tripuladas por quatro pescadores, teve como campeã a jangada Rael.  Ambas receberam prêmio em dinheiro (R$ 1 mil cada) e um troféu.
com PMC
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp