Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Justiça Eleitoral cancelou em todo país cerca de 2.486.495 títulos de eleitor, por ausência nas três últimas eleições. Segundo o Tribunal Superior Eleitoral, cada turno é contabilizado como uma eleição, bem como pleitos suplementares realizados. Na Região Nordeste, foram registrados 412.652 títulos cancelados.

O Nordeste foi a segunda região do Brasil com a maior quantidade de cancelamentos, perdendo apenas para região Sudeste, com 1.247.066 títulos cancelados.

Quem teve o título cancelado deverá pagar uma multa e, em seguida, poderá fazer a regularização da sua situação no seu cartório eleitoral, levando documento de identificação oficial original com foto, comprovante de residência e o título, se ainda o possuir.

A irregularidade também pode gerar dificuldades para inscrição, investidura e nomeação em concurso público; renovação de matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo; e obtenção de certidão de quitação eleitoral ou qualquer documento perante repartições diplomáticas a que estiver subordinado, entre outras.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp