Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Justiça autorizou a continuação das obras do Estado do Ceará de perfuração de poços profundos em regiões envolvendo os municípios de São Gonçalo do Amarante, Caucaia e Paracuru. A decisão atende a um pedido do Governo do Estado do Ceará, que afirmou que o Estado perfura tendo como fonte de água o aquífero (reserva de água subterrânea) Dunas, Pecém e Paracuru, que envolve os referidos municípios.

A decisão é do juiz federal LEONARDO RESENDE MARTINS:

“Ademais, ao menos na análise que foi proferida in loco, não se percebeu na execução da obra em si um impacto significativo ao meio ambiente. Repito: uma coisa é a construção dos poços, outra é efetiva operacionalização do sistema, com a explotação da água (termo técnico usado para referir-se à retirada, extração ou obtenção de recursos naturais, geralmente não renováveis, para fins de aproveitamento econômico, pelo seu beneficiamento, transformação e utilização).     A construção dos poços, por si só, não representa agressão maior à natureza, conforme se pode ver das fotos tiradas por ocasião da inspeção judicial. “, afirmou o juiz na decisão.

O magistrado ainda na sentença declarou que antes de iniciar a efetiva operacionalização do sistema, seja apresentada estudo da qualidade ,além de um plano de monitoramento de águas subterrâneas.

Com informações Papel Pã Noticias

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp