Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A simplificação de processos burocráticos, pretendida pela Lei da Liberdade Econômica vai beneficiar principalmente os setores de comércio, indústria e serviços. Como consequência, o setor produtivo local prevê o barateamento de produtos finais, estimulando o consumo e, a longo prazo, criando empregos em pequenas e médias empresas.

O jornalista Carlos Alberto Alencar comentou sobre o assunto em sua participação no Jornal Alerta Geral (FM 104.3 – Grande Fortaleza + 26 emissoras no Interior + Redes Sociais do Cearaagora) desta segunda-feira (30).

O correspondente ainda comenta que a MP sozinha não irá criar empregos, mas o pacote de ações do Governo, incluindo as reformas, poderá melhorar ainda mais o ambiente de negócios no Ceará.

Acompanhe a análise completa do jornalista Carlos Alberto Alencar:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp