Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Executiva Regional do PSDB mobilizou, na noite dessa quinta-feira, em Aracoiaba, as lideranças municipais do partido na Região do Maciço do Baturité para fazer uma avaliação sobre a conjuntura política e discutir os rumos da sigla nas eleições de 2018. Com a presença do senador Tasso Jereissati, o encontro dos tucanos atraiu lideranças políticas e comunitárias de cidades do Maciço do Baturité, superando as expectativas dos dirigentes estaduais do partido. Representantes de 14 municípios participaram do debate.

Durante os debates, o senador Tasso Jereissati ouviu apelos para ser candidato a governador nas eleições do próximo ano. Presidente interino da Executiva Nacional do PSDB, Tasso agradeceu o carinho dos dirigentes municipais tucanos do Maciço do Baturité, falou sobre a missão que tem hoje no cenário nacional e disse que a hora é de renovação na política do Ceará.

Tasso adotou o mesmo discurso que fez em 2014 quando lideranças políticas municipais do PSDB o queriam de volta à disputa ao Senado. O tucano resistiu por algum tempo e depois cedeu aos apelos e acabou concorrendo ao Senado. Alguns tucanos apostam que Tasso não pode ser descartado como possível candidato ao Executivo Estadual. Hoje, Tasso ocupa interinamente a Presidência da Executiva Nacional do PSDB e poderá, a partir de agosto, assumir o cargo em definitivo com a renúncia do senador Aécio Neves (MG).

O senador cearense tem, porém, um adversário nessa corrida: o governador de Goiás, Marconi Perillo, decidiu entrar na disputa para o cargo de presidente nacional da agremiação. Tasso tem apoio de lideranças nacionais e regionais do partido, tem defendido que o PSDB entregue os cargos no Governo Federal, enquanto Perillo entrou no debate sobre a sucessão no comando nacional da sigla com o discurso favorável a permanência dos tucanos no Ministério do presidente Michel Temer.

Quanto à citação do nome de Tasso como opção ao Governo do Estado, o presidente da Executiva Regional do PSDB, Luiz Pontes, disse que a manifestação dos dirigentes municipais do partido no Maciço do Baturité, ao defenderem a candidatura própria à sucessão do governador Camilo Santana, é uma demonstração não apenas do carinho, mas dorespeito e reconhecimento as ações que Tasso Jereissati fez ao administrar o Estado em três mandatos (1987-1991, 1995-1999, 1999-2002).

“O senador Tasso Jereissati é uma referência política estadual e nacional. É um nome de respeito e representa hoje esperança para milhões de cearenses que se sentem frustrados com o atual modelo administrativo do Estado, que tem, por exemplo, os mais altos índices de homicídios da nossa história’’, expôs Luiz Pontes, que, ao discursar no encontro das lideranças municipais do PSDB em Aracoiba, fez críticas ao abandono do Maciço do Baturité pela atual gestão estadual. “Hoje, não temos, sequer, uma obra de infraestrutura na região. A CE 060, que começou a ser alargada, está abandonada há muito tempo, levando prejuízos a população e risco para motoristas e passageiros’’, observou.

Entrevista com Luiz Pontes