Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), anunciou a votação da reforma da Previdência para o dia 19 de fevereiro, isto é, a segunda-feira após o feriado de Carnaval. Já as  discussões em plenário devem ser iniciadas no dia 5 de fevereiro.

Segundo ele nessa data a proposta haverá  “de 320 a 330 votos” favoráveis. Antes de anuncia a decisão, Maia se reuniu com o relator da proposta, Arthur Maia (PPS-BA), o ministro Eliseu Padilha (Casa Civil), o secretário de Previdência Social do Ministério da Fazenda, Marcelo Caetano, e deputados da base aliada.

Em busca de votos, o governo decidiu flexibilizar novamente o texto da proposta. No encontro, o relator ficou incumbido de negociar uma regra de transição para aqueles que ingressaram no serviço público antes de 2003.