Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Conforme aumentam as mortes confirmadas por Covid-19 no Ceará, crescem também os óbitos suspeitos pela doença. Ao todo, 135 registros estão sendo investigados, de acordo com os dados divulgados pela Secretaria da Saúde do Estado. É estipulada uma média de quatro dias entre a coleta da amostra, o envio ao laboratório para análise e a liberação do resultado que confirma ou descarta a Covid-19. O óbito será considerado suspeito por coronavírus caso o paciente acometido apresente sintomas de síndrome gripal ou Síndrome Respiratória aguda grave, conforme informações da Secretaria da Saúde do Estado.

Os sintomas que caracterizam a síndrome gripal incluem sensação febril ou febre, acompanhada de tosse, dor de garganta, coriza ou dificuldade para respirar, e com início dos sintomas nos últimos sete dias. Em idosos, a febre pode estar ausente. Para essa faixa etária, deve-se considerar também outros critérios como sincope, confusão mental, sonolência excessiva, irritabilidade e falta de apetite.

Os pacientes que se encaixam no quadro de síndrome gripal ou Síndrome Respiratória aguda grave apresentam os mesmos sintomas de síndrome gripal, porém, com alguns fatores a mais: falta de ar, desconforto respiratório, pressão persistente ou coloração azulada dos lábios ou rosto. Também são considerados suspeitas de coronavírus os pacientes que morreram por síndrome respiratória aguda grave independentemente da internação. Em crianças, além dos sintomas anteriores, também são observados o alargamento das narinas ao respirar, cor azulada na pele, lábios ou ao redor dos olhos, falta de apetite e desidratação. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp