Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Um conjunto de ações voltadas para os trabalhadores será realizado pelo Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT) durante todo o mês de maio. E a abertura aconteceu nesta segunda-feira, 2, na Unidade de Atendimento do Centro, em Fortaleza, com a presença da governadora do Ceará, Izolda Cela (PDT). A ação é uma parceria com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho (Sedet), em comemoração ao Dia do Trabalhador.

“O Ceará tem trabalhado muito, com o Governo liderando ações nas diversas instâncias para apoiar empresas, trabalhadores e crédito para os pequenos. Entre as ações, está o Ceará Credi, uma linha de microcrédito orientado voltada para apoiar e incentivar os pequenos empreendedores. Eles são uma fonte muito importante de crescimento, de força para a nossa economia. Para além disso, investimos em ações sempre pautadas na preparação das pessoas, pois essa base educacional é necessária. Temos que ter uma geração bem preparada, e assim abraçar as oportunidades de emprego e renda”, disse a governadora.

Os trabalhadores que comparecerem às unidades de atendimento do IDT/SINE em Fortaleza ou no interior, contarão com uma programação diversificada que inclui mais de 3 mil oportunidades de colocação no mercado de trabalho bem como de geração de renda: entre vagas de emprego, concessão de crédito (para os que pretendem empreender) e encaminhamentos para serviços autônomos.

Com a programação especial, Vladyson Viana, presidente do IDT, projeta atender cerca de 60 mil pessoas nesse mês de maio. “Nesse momento de superação da pandemia, a gente vai atender esse trabalhador cearense com várias oportunidades de geração de renda. Seja no emprego formal, ou através de microcrédito pra estimular o empreendedorismo, seja para o trabalhador autônomo que presta um serviço pontual. É um conjunto de serviços para gerar mais oportunidades aos cearenses, com a ampliação do atendimento do IDT e de outros serviços”, explica.

Haverá ainda, durante todo o mês, palestras, plantão para análise de currículo e orientação profissional, atendimento para profissionais autônomos e pessoas com deficiência, cadastro, tira-dúvidas e habilitação ao seguro-desemprego, acesso ao microcrédito (através do Ceará Credi), e outras atividades voltadas à informação e a geração de oportunidades de trabalho e renda.

“Estamos trabalhando muito, temos um planejamento estratégico que procura incentivar os setores que mais geram emprego e renda aos cearenses. Fábricas expandindo, recuperação do agronegócio, e a gente procura capacitar nossos trabalhadores, para que encontrem não apenas recolocação, mas que exista uma melhoria salarial. Continuar crescendo é um dos grandes desafios da economia cearense”, apontou Maia Júnior, titular da Sedet.

Atendimento especial

O projeto Ceará de Oportunidades promoverá também atendimento especial em todas as 18 unidades do Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT). Nos locais, continuam o atendimento tradicional de intermediação de mão de obra, mas também várias ações serão realizadas ao longo de todo o mês de maio.

Além das oportunidades de emprego e renda, na segunda, 2, e terça-feira, 3, o Governo do Ceará, por meio da Sedet e outras instituições parceiras, oferta uma programação de serviços para os trabalhadores, na Praça do Ferreira, das 8h às 16h.

“Nós, como poder público estadual, estamos à disposição dos trabalhadores, aqui temos atendimento e orientação para a área da saúde, segurança, educação, cultura, e proteção social, com muitos serviços agregados. Mas o mais importante, gerar oportunidades através das capacitações, e da orientação profissional, gerando encaminhamento para o mercado de trabalho, estágio, carteira assinada, trabalho autônomo, e assim valorizarmos o trabalhador”, ressaltou Onélia Santana, secretária da Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos (SPS).

(*) com informações do Governo do Ceará

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp