Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Cerca de 39 profissionais de saúde que atuam no programa Mais Médicos terão o contrato prorrogado por mais um ano, de acordo com o Ministério da Saúde. A ideia é reforçar o atendimento durante a pandemia de Covid-19. A autorização foi publicada em Diário Oficial da Uniãoe vale apenas para profissionais chamados pelo Edital nº 12, divulgado em novembro de 2017.

Os médicos ou o gestores municipais que não queiram estender o contrato profissional devem manifestar desinteresse entre os dias 23 e 25 de novembro no Sistema de Gestão de Programas, disponibilizado no site do programa. A relação definitiva, com os profissionais que aderiram à prorrogação, será divulgada no dia 1° de dezembro.

A recomendação do Ministério da Saúde é que os profissionais selecionados, atuantes desde 2018 no Estado, continuem as atividades no município em que já estão alocados. No Ceará, os 39 médicos com permissão para estender o contrato estão distribuídos em 28 cidades.

Fortaleza é a região com o maior número de profissionais aptos para renovação, com sete médicos lotados na Capital. O município de Quixadá, no Sertão Central, enumera quatro médicos que podem renovar os contratos. Já nas cidades de Ibiapina, na Serra da Ibiapaba, e Itapipoca, dois profissionais podem estender o tempo de atuação em cada município.