Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O jornalista Beto Almeida classificou, nesta quarta-feira (28), no Jornal Alerta Geral, como vassalagem a relação entre prefeitos e vereadores em muitas cidades do Ceará. A análise partiu do caso envolvendo vereadores do Município de Pacujá que foram alvo do Ministério Público Estadual. O MPE investiga um esquema de propina com a troca de um valor mensal para aprovação de projetos e mensagens de interesse do Poder Executivo.

Beto destacou que os vereadores que assumem um papel de subserviência na relação com o Chefe do Executivo Municipal poderiam, pelo menos, honrar o mandato conquistado nas urnas. A repórter Lucinha Barbosa relata a operação desencadeada pelo Ministério Público Estadual contra vereadores e políticos do Município de Pacujá.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp