Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Com o intuito de garantir que todos os direitos dos consumidores sejam respeitados na realização do Fortal 2018, o Ministério Público do Estado do Ceará, através do Decon, firmou, um Termo de Ajustamento de Conduta com a empresa Carnailha Empreendimentos, organizadora do tradicional evento.

No documento são citadas as responsabilidades da empresa em diversos temas. Algumas das obrigações firmadas são: todos os ingressos serão vendidos nas modalidades inteira e meia; garantia de acesso em todas as categorias de ingresso para pessoas com deficiência; caso o evento seja cancelado, todos os consumidores deverão ser ressarcidos em até 30 dias úteis, entre outros.

Até o dia 25 de julho, a empresa deverá apresentar ao Decon: o plano de estrutura do evento; os produtos que serão vendidos e preços; a relação dos fornecedores e prestadores de serviços; e licenças e documentos técnicos que autorizam a realização do Fortal. Uma das novidades deste ano, é que, durante o evento, será exibido um vídeo institucional do Decon informando aos foliões como e onde denunciar, caso seus direitos consumeristas sejam desrespeitados.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp