Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB), encaminhou nesta segunda-feira (13) ao presidente Michel Temer uma carta pedindo demissão do governo federal. O pedido de exoneração se deu em meio ao racha político no PSDB, que está dividido entre uma ala que defende a permência no governo federal e outra que quer desembarcar da gestão peemedebista.

Ele é um dos quatro ministros do PSDB no governo Michel Temer e ocupa a pasta desde que o peemedebista assumiu a presidência interinamente, em maio de 2016. Além dele, os outros ministros tucanos são Aloysio Nunes Ferreira (Relações Exteriores), Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo) e Luislinda Valois (Direitos Humanos).

Na carta, o ex-ministro agradece “o apoio de toda nossa competente equipe nessas realizações” e a confiança do seu partido, o PSDB.

Com Informações G1-CE