Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A última sexta-feira do mês de outubro está marcada com a morte do professor e jurista Paulo Bonavides.

Nascido em Patos, na Paraíba, Paulo Bonavides iniciou a carreira no jornalismo e no direito no Ceará. Em 1950, começou a lecionar sociologia para alunos do ensino médio do Instituto de Educação Justiniano de Serpa, em Fortaleza.

Foi presidente emérito do Instituto Brasileiro de Direito Constitucional, presidente de honra do Instituto de Defesa das Instituições Democráticas e diretor da Revista Latino-Americana de Estudos Constitucionais, que ajudou a fundar. A causa da morte não foi divulgada.

COMOÇÃO

Considerado um dos maiores e mais respeitados constitucionalistas do país, Paulo morreu aos 95 anos causando comoção em grande parte da comunidade jurídica do país.

O Governador Camilo Santana também lamentou e decretou luto de 3 dias no estado, além dele o Reitor da Universidade Federal do Ceará, se manifestou em nota lamentando o seu falecimento. Desde 1991, o jurista era professor emérito da instituição, onde lecionou por mais de trinta anos.

Em nota o Deputado José Sarto, presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará, também prestou condolências:

NOTA DE PESAR

Manifesto meu profundo pesar pelo falecimento do jurista e professor Paulo Bonavides. Dono de uma carreira brilhante, ele foi um dos principais constitucionalistas brasileiros, autor de importantes obras das áreas do Direito e Ciência Política e contribuiu para o desenvolvimento do Ceará, compartilhando o seu pensamento e pondo à disposição de todos nós sua influência no meio jurídico nacional e internacional. Expresso minha solidariedade à família, amigos e alunos de Bonavides e agradeço, em nome do parlamento cearense, toda dedicação ao aperfeiçoamento republicano, democrático e federativo brasileiro.

Dep. José Sarto – presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará

Luiz Pontes, presidente do PSDB – CE, em nota:

É com grande consternação que o PSDB/CE lamenta o falecimento do jurista Paulo Bonavides, um dos mais brilhantes constitucionalistas brasileiros, com reconhecimento em todo o mundo. Com inestimáveis serviços à ciência política e jurídica, Paulo Bonavides será sempre inspiração para a defesa do estado de direito, dos valores constitucionais e dos fundamentos de uma sociedade civilizada. Um brasileiro exemplar, um homem de família, um professor brilhante, amigo e conselheiro. O luto se soma à tristeza pela irreparável perda. À família enlutada, apresentamos nossas sinceras condolências.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp