Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Senado Federal aprovou a Medida Provisória conhecida como MP da Liberdade Econômica durante votação nessa quarta-feira. Agora o texto segue para sanção do presidente Jair Bolsonaro.

Durante a votação, os senadores decidiram retirar da MP o trecho aprovado pela Câmara que permitia o trabalho aos domingos e feriados. Segundo o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, o tema ainda poderá ser discutido por meio de um projeto de lei.

A proposta determina que serão obrigatórios os registros de entrada e de saída no trabalho somente em empresas com mais de 20 funcionários. Atualmente, a anotação é obrigatória para empresas com mais de 10 trabalhadores.

Além disso, a MP libera os horários de funcionamento dos estabelecimentos, inclusive em feriados, desde que respeitadas as regras ambientais, trabalhistas e de vizinhança.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp