Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O PSDB do Ceará apoia as manifestações do senador Tasso Jereissati em defesa da manutenção do isolamento social como forma de combater a proliferação do coronavírus em nosso Estado, em especial sua desaprovação ao Decreto do Governador Camilo Santana, que flexibilizava as regras desse modelo usado em todo o mundo e que tem se mostrado eficaz. “Não é hora de fraquejar, quando vidas estão em jogo”, afirma o ex-senador Luiz Pontes, presidente do Diretório Estadual do PSDB.

A decisão do Governador, em seguida às manifestações do Senador, de editar um novo Decreto revogando o anterior, foi importante para restabelecer o isolamento e assim manter firme o plano de combate à essa epidemia.

Nossa esperança é que todas as decisões sejam baseadas na ciência e que as pressões de setores econômicos minoritários não se sobreponham aos verdadeiros e fundamentais interesses sociais de preservação de vidas e, posteriormente, dos propósitos de reconstrução de uma economia forte com emprego e renda para nossas populações, ressalta Luiz Pontes.

Para o tucano, um aspecto importante das declarações de Tasso Jereissati diz respeito ao momento em que a epidemia sai dos bairros de classe média e alta de Fortaleza e entra na periferia, justamente entre aqueles que estão mais vulneráveis e que não têm condição de usar hospitais particulares.

Além do mais, agora que a epidemia está chegando ao interior do Estado, com o registro de casos em vários municípios, a flexibilização das regras de isolamento social não poderia ser mais inoportuna, uma vez que poderá atingir, sem controle, a população mais vulnerável do Ceará.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp