Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O governador Camilo Santana (PT) agradeceu, nesta segunda-feira (2), ao fazer o primeiro pronunciamento após o encerramento da greve na Polícia Militar, a mobilização de representantes dos Poderes Judiciário e Legislativo, do Ministério Público Estadual e da OAB para os agentes de segurança voltarem ao trabalho.

Os motins ficaram encerrados na noite desse domingo e os policiais começaram a retomar os seus postos de trabalho na manhã desta segunda. Camilo disse, na mensagem à população, que o Ceará

“viveu momentos difíceis nos últimos dias por conta de atos de violência e desrespeito às leis, decorrentes de um inaceitável e ilegal motim provocado por uma pequena parcela da Polícia Militar”.

Em um dos trechos do pronunciamento, o governador afirmou que

“sempre procurei reconhecer o grande trabalho realizado pelos nossos profissionais da segurança pública, promovendo importantes melhorias na carreira, como apresentei na última proposta de reestruturação salarial, com um aumento de quase meio bilhão de reais na folha de pagamento nos próximos dois anos”.

Em outro trecho, Camilo Santana afirma que, diante desses atos praticados no estado, a sua determinação sempre foi de agir com absoluta firmeza, dentro da lei, para defender as famílias cearenses.

“Para isso, sempre contamos com o imprescindível apoio de todo o restante da tropa, aliada ao grande empenho e dedicação da nossa Polícia Civil, Bombeiros, Pefoce, Polícia Penal, além do Exército e Força Nacional. Ressalto ainda o papel fundamental dos poderes Legislativo e Judiciário, além do Ministério Público, na defesa intransigente da legalidade’’.

O governador cearense destacou, ainda, que “todos os processos abertos contra pessoas que infringiram a lei serão conduzidos respeitando o processo legal, sem possibilidade de anistia para quem praticou crimes e ameaçou a segurança da nossa população’’. A greve, que durou 13 dias, ficou encerrada na noite desse domingo. A proposta de reajuste salarial dos policiais está na pauta da Assembleia Legislativa e deve entrar, nesta terça-feira (3), em votação.

Confira na íntegra pronunciamento do Governador Camilo Santana:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp