Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O presidente eleito Jair Bolsonaro tem, hoje, 21, reuniões com os embaixadores do Líbano, da Rússia e de Portugal. No segundo dia em Brasília, Bolsonaro também tem conversa marcada com a equipe de transição e com parlamentares.

Ontem, 20, o presidente eleito anunciou os nomes de Luiz Henrique Mandetta, para o Ministério da Saúde, e Wagner Rosário, para permanecer na Controladoria-Geral da União. Segundo ele, ainda analisa as possibilidades para o Ministério da Educação.

Assim como o presidente eleito, Mandetta fez críticas à participação dos profissionais cubanos no programa Mais Médicos. Para ele, o acordo com Cuba foi baseado em “improvisações”.

Confirmado para o Ministério da Economia, Paulo Guedes disse ontem, 20, que será criada a Secretaria de Privatizações. Sem entrar em detalhes, informou apenas que o órgão será responsável pela organização e coordenação do programa do setor.

O juiz federal Sergio Moro – confirmado para o Ministério da Justiça e que integra a equipe de transição – confirmou os nomes dos delegados Maurício Valeixo para a Diretoria-Geral da Polícia Federal, e Érika Malena que assumirá o Departamento de Recuperação de Ativos e Cooperação Jurídica Internacional (DRCI).

Com informações da Agência Brasil

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp