Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O número de pacientes notificados com casos de hepatites virais no Brasil caiu 7% entre 2008 e 2018, de acordo com o Boletim Epidemiológico de Hepatites Virais divulgado pelo Ministério da Saúde. Em 2008, foram registrados 45.410 casos. Dez anos depois, o número passou para 42.383 casos.

Só este ano, o Ceará contabilizou 786 casos de hepatite em todo o Estado. A hepatite do tipo C é a de maior ocorrência, registrando 103 casos só em 2019. Em relação às mortes causadas pela doença, ao todo seis cearenses morreram de hepatite, uma do tipo B e 5 do tipo C da doença.

Analisando os casos de todo Brasill, mesmo com o aumento, o levantamento apontou queda de 9% no total de mortes, saindo de 2.402 em 2007 para 2.184 em 2017.

A hepatite é a inflamação do fígado e pode ser causada por vírus ou pelo uso de alguns remédios, álcool e outras drogas, assim como por doenças autoimunes, metabólicas e genéticas. De acordo com o Ministério da Saúde, são doenças silenciosas que nem sempre apresentam sintomas, em alguns casos os pacientes apresentam cansaço, febre, mal-estar, tontura, enjoo, dor abdominal, pele e olhos amarelados.