Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Prefeitura de Fortaleza realiza nesta quinta-feira (14), a partir das 8h30, o mutirão municipal de combate às arboviroses, no Bairro Bom Jardim, em Fortaleza. A estratégia faz parte da Operação Inverno 2020, prevista até dezembro de 2019, definida pelo Comitê Intersetorial de Combate às Arboviroses. A ação, que antecede o período da quadra chuvosa, tem como objetivo intensificar a prevenção e controle das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti.

Durante toda manhã, 1.200 profissionais da Coordenadoria Vigilância Ambiental de Fortaleza percorrerão 12.500 domicílios, para orientação e eliminação de potenciais criadouros do mosquito, com concentração na Praça da Igreja Santa Cecília. Na ocasião, será realizada Operação Quintal Limpo em quadras com maior índice de infestação do Aedes aegypti, na qual agentes do Núcleo de Educação em Saúde e Mobilização Social (NESMS) abordarão moradores de imóveis, entregando sacos plásticos para recolhimento de material reciclável que possa ser criadouro do mosquito.

Até novembro, a Operação Inverno 2020 já soma 412.995 imóveis visitados; 3.784 focos destruídos; 201 toneladas de pneus recolhidos; 404 fiscalizações da Agefis em borracharias, sucatas, canteiros de obras e terrenos baldios; e oito Operações “Quintal Limpo”, com 24 toneladas de resíduos sólidos recolhidos, reduzindo dessa forma com potenciais criadouros. As ações de educação em saúde (palestras, exposições educativas, criação de brigadas de combate ao mosquito) desenvolvidas até o momento resultam em 5.414 eventos.

Este é o terceiro mutirão municipal de preparação para a quadra chuvosa em Fortaleza. Até dezembro, estão previstos ainda dois outros nos bairros com maior histórico de casos de arboviroses. Desta forma, busca-se reduzir o índice de doenças e sensibilizar a população sobre as práticas preventivas a serem adotadas para as medidas de controle.

A programação da Operação Inverno 2020 envolve também 25 mutirões regionais e 700 mil visitas domiciliares, com a Operação Quintal Limpo em 30 bairros, que foram selecionados pelo critérios de histórico de casos de arboviroses, população susceptível ao vírus DENV_2, histórico de infestação predial e perfil dos criadouros predominantes.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp