Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Os beneficiários de auxílio-doença que foram chamados para o pente-fino do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e não realizaram à perícia devem ter o benefício cortado.

As informações motram que o INSS  publicará, nos próximos dias, um edital de convocação no “Diário Oficial da União” para os 45 mil segurados que não responderam aos chamados. Muitos desses beneficiários estão na Grande Fortaleza e em cidades do Interior do Ceará.

Os convocados fazem parte do primeiro grupo da revisão: segurados que recebem auxílio-doença, não fazem perícia há pelo menos dois anos e têm até 49 anos. Esta será a última oportunidade de comprovar que têm direito ao auxílio antes do corte.

Com informações Agora