Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O orçamento da população está cada vez mais apertado com a alta dos produtos alimentícios e, também, com o aumento do preço médio da gasolina. De acordo com levantamento realizado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o preço da gasolina subiu pela 6ª semana nos postos do país

.O preço médio da gasolina na semana encerrada no dia 11 de setembro subiu para R$ 6,059 por litro, contra R$ 6,007 por litro na semana anterior, o que representa uma alta de 0,86%. Nos 4.434 postos pesquisados pela ANP, o preço máximo chegou a R$ 7,185 o litro e, o mínimo, foi de R$ 5,15.

No Ceará, o município de Crateús teve o preço do litro de gasolina comum mais caro do estado, de acordo com levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). Entre 5 e 11 de setembro, o município da região Cariri registrou R$ 6,700 do combustível. No último mês, o preço máximo da gasolina no Ceará subiu cerca de 4,8%, saindo de R$ 6,390 (em Crateús e Iguatu) a R$ 6,70 (Crateús).

Já na capital Fortaleza, o preço máximo foi R$ 6,199 em um posto da Avenida Antônio Justa, no Bairro Meireles, até o último sábado (11).

Diesel

A agência também apurou que o valor médio do litro do diesel aumentou de R$ 4,627 para R$ 4,695 na semana.Já o preço do litro do etanol subiu de R$ 4,611 para 4,653 na semana.

Preço dos combustíveis

Neste ano, o combustível se transformou num dos vilões da inflação, responsável por afetar duramente o orçamento das famílias brasileiras – já prejudicadas pela alta dos alimentos e da energia elétrica. Segundo o IBGE, a gasolina acumula no ano uma alta de 31,09%.

Os preços de venda dos combustíveis seguem o valor do petróleo no mercado internacional e a variação cambial. Dessa forma, uma cotação mais elevada da commodity e/ou uma desvalorização do real têm potencial para contribuir com uma alta de preços no Brasil, por exemplo. Os preços cobrados nas bombas viraram motivo de embate entre o presidente e os governadores.

+Veja o preço médio da gasolina por Estado

  1. Rio Grande do Norte: R$ 6,62
  2. Piauí: R$ 6,60
  3. Rio de Janeiro: R$ 6,56
  4. Acre: R$ 6,48
  5. Distrito Federal: R$ 6,41
  6. Goiás: R$ 6,36
  7. Rio Grande do Sul: R$ 6,33
  8. Minas Gerais: R$ 6,30
  9. Tocantins: R$ 6,27
  10. Espírito Santo: R$ 6,21
  11. Rondônia: R$ 6,15
  12. Mato Grosso: R$ 6,12
  13. Alagoas: R$ 6,10
  14. Sergipe: R$ 6,08
  15. Pará: R$ 6,07
  16. Bahia: R$ 6,06
  17. Maranhão: R$ 6,02
  18. Pernambuco: R$ 6,01
  19. Amazonas: R$ 6
  20. Ceará: R$ 5,98
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp