Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Estudos mostram que os cearenses que desejam viajar no mês de julho deste ano já devem se programar e começar a pesquisar os preços das passagens aéreas. Por ser um mês de férias, os bilhetes ficam mais caros devido ao aumento da demanda. O adequado é de comprar com antecedência, o consumidor precisa pesquisar bem os valores ofertados pelas companhias para economizar o máximo possível, pois a diferença de preços pode superar 270%.

Pela empresa Gol, a passagem de Fortaleza para Recife estava sendo vendida por R$ 238. Na Avianca, o mesmo trecho custava R$ 884, uma variação de 271%. A Azul e a Latam comercializavam os bilhetes por R$ 279 e R$ 359, respectivamente. Vale lembrar que, às vezes, os vôos mais caros têm paradas, enquanto os mais baratos são diretos, oferecendo um custo benefício ainda melhor.

A menor variação entre as capitais pesquisadas, de 45,4%, foi identificada pela reportagem para o trecho Fortaleza e Rio de Janeiro. Ainda assim, é uma oscilação considerável para o passageiro que não abre mão da economia. Pela Azul, o bilhete custava R$ 425. Já na Latam, o valor saltava para R$ 618.