Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Centena de peixes sugiram mortos no canal do Polo de Lazer Gustavo Braga, no bairro Damas, em Fortaleza, na manhã desta quarta-feira (28). O problema, afirmam os frequentadores, é decorrente da poluição no local.

A Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma)  que irá enviar técnicos da Célula de Saneamento, Recursos Hídricos e Gestão da Orla ao Canal da Waldery Uchôa para aferir a qualidade da água do recurso hídrico. O laudo apontará a possível causa da morte dos peixes.

No entanto, outros problemas dão angustia a população. O lixo e o estado de conservação estão entre as questões mais faladas pelos moradores. O canal do Polo de Lazer está lotado de lixo e coberto por vegetação. Os populares acreditam que a morte dos peixes seja decorrente da sujeira no ambiente. “É muito lixo, é muito odor”, afirma uma moradora.

Todos as manhãs, a dona de casa Socorro Fontenele caminha pelo Polo de Lazer. A mulher conta que o local foi muito importante para o bairro, principalmente para a socialização dos moradores, mas atualmente a falta de manutenção afasta os populares do local.

 “Aqui é para ser um lugar bom, mas tem muita sujeira, o chão está irregular. É lindo, mas falta manutenção”, pontua.

“É o ponto mais perto da nossa casa, então a gente se arrisca, mas o polo está em uma situação de abandono, não tem mais estrutura. Acho que deveria ser feita uma reforma para gente ter um local bom para fazer os exercícios”, afirma a auxiliar administrativa Ângela. Ela explica que é o único local do bairro para a prática de exercícios, contudo, carece de reparos.

Ações

Em nota, a Prefeitura de Fortaleza informou  que realiza a coleta de lixo no Polo de Lazer Gustavo Braga três vezes por semana, nas terças, quintas e sábados.  Além disso,  ressaltou que no local existia um ponto de lixo, eliminado pela gestão municipal, onde agora funciona um Ecoponto, no qual a população deve fazer o descarte regular de material reciclado.  Quanto à reclamação sobre a vegetação acumulada ao redor do canal, foi programada uma limpeza no local.

“Uma reforma será solicitada para o Polo de Lazer até o fim de 2020”, informou em nota a Secretaria Regional IV, após ser questionada sobre a manutenção do equipamento público. A pasta disse, ainda que “está realizando um levantando de obras que possam ser realizadas na sua área territorial até o fim da gestão”.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp