Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus) inaugura na manhã desta terça-feira, 4, duas novas bibliotecas em penitenciárias. A Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Jucá Neto (CPPL III) e a Casa de Privação Provisória de Liberdade Agente Elias Alves da Silva (CPPL IV), em Itaitinga, serão beneficiadas.

O intuito principal é ampliação do acesso à leitura no sistema prisional cearense e a ação é uma iniciativa da Sejus, por meio da Coordenadoria de Inclusão Social do Preso e do Egresso (Cispe)

Estantes lotadas

As estantes somarão 3.100 obras, recebidas por meio de doação do grupo Mãos de Luz.

Além das duas unidades, o Centro de Execução Penal e Integração Social Wasco Damasceno Weyne (Cepis) também recebeu uma nova biblioteca no último mês, e acervos de outras unidades foram incrementados por meio da mesma doação, que totalizou 11 mil livros.

A coordenadora da Cispe, Cristiane Gadelha, destaca as possibilidades criadas com as bibliotecas:

Além de facilitar o contato com as obras literárias, a ação incentiva a conquista da remição de pena pela leitura, dando a essas pessoas uma nova oportunidade de mudança de vida através do conhecimento e da cultura.

Com a inauguração, nove unidades contarão com bibliotecas disponíveis para os internos.

Livro Aberto

No ano de 2018, 3.612 atestados de remição já foram emitidos através do Livro Aberto, que está presente em 15 unidades atualmente.

Mensalmente, os participantes são avaliados, e a cada resenha ou resumo aprovados, recebem um certificado que possibilita a remição de 4 dias da pena, podendo totalizar até 48 dias remidos no prazo de um ano.

Serviço:

Inauguração de bibliotecas nas unidades
Local: Rodovia BR 116, Km 27, s/n
Data: 03 de dezembro
Horário: 10h

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp