Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) deflagrou, nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (12), a “Operação Aditum II” – que em latim significa “acesso”. A ação policial tem como objetivo cumprir diversos mandados de prisão, busca e apreensão em desfavor de alvos que integram uma organização criminosa no Estado.

Segundo informações do titular da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS-CE), André Costa, serão cumpridos 163 mandados de prisão e quase 100 de busca e apreensão.

No total, 312 policiais civis divididos em cem viaturas cumprem os mandados em 30 municípios do Ceará, incluindo Fortaleza e Região Metropolitana da Capital. Participam da ofensiva, policiais civis dos departamentos Técnico Operacional (DTO), de Polícia Judiciária Especializada (DPJE), da Capital (DPJC), da Região Metropolitana (DPJM), de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), de Proteção aos Grupos Vulneráveis (DPGV), de Recuperação de Ativos (DRA) e da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (Core).

Primeira fase

A primeira fase da “Operação Aditum II” foi realizada no início da manhã do dia 21 de março do ano passado e, após pouco mais de dois meses de investigação, cumpriu 46 mandados de prisão em 15 municípios do Ceará. Todos os alvos das diligências eram recentes filiados à facção criminosa.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp