Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Polícia Federal cumpriu três mandados de busca e apreensão com o objetivo de combater a posse e/ou divulgação de imagens ou vídeos de pornografia infantojuvenil pela internet no Ceará no âmbito da Operação Arquivo Proibido, deflagrada em agosto de 2019.

Mandados


Dois mandados foram cumpridos nessa quarta-feira (5), sendo um em Fortaleza e outro no município de Meruoca, interior do Ceará. O terceiro mandado de busca e apreensão foi cumprido nesta quinta-feira (06), na capital cearense. As ordens judiciais foram expedidas pela Justiça Federal do Ceará. Não houve prisão.

Buscas


Nos locais das buscas foram apreendidas mídias computacionais e aparelhos celulares, que foram encaminhados à Perícia Criminal da Polícia Federal para análise do conteúdo das informações.


Após o exame pericial, caso seja identificado o armazenamento ou a transmissão de imagens ou vídeos retratando cenas de exploração ou abuso sexual envolvendo criança ou adolescente, os infratores responderão pelos crimes previstos nos artigos 240, 241-A ou 241-B, do Estatuto da Criança e do Adolescente, que preveem pena de até 8 (oito) anos de reclusão e multa.

Operação Arquivo Proibido


As investigações da Operação Arquivo proibido são decorrentes de inquéritos instaurados pelo Grupo de Repressão a Crimes Cibernéticos da Polícia Federal no Ceará no enfrentamento a esse tipo de crime.

(*)com informação da PF

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp