Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Um bando levou em torno de R$ 50 mil de uma lotérica localizada dentro de um mercantil do bairro Novo Maranguape, Região Metropolitana de Fortaleza, enquanto faziam três funcionários reféns.  Segundo o proprietário da lotérica, Pedro César Tavares, foi tudo muito rápido. Toda a ação durou uns três minutos e ninguém foi ferido.

O caso aconteceu na semana passada, mas somente nessa quinta-feira, policiais da Delegacia Metropolitana de Maranguape identificaram dois dos sete criminosos envolvidos.

Conforme o titular da Delegacia Metropolitana de Maranguape, Francisco Braúna, a Polícia já conhece o endereço de dois dos suspeitos. Para Braúna, é certo que o bando vinha estudando a rotina da agência e já saberia qual dia e horário o carro-forte iria recolher o montante.