Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Polícia prendeu, após receber denúncias, um catador de lixo, suspeito de estuprar seu próprio filho de sete anos de idade. Segundo informações das autoridades policiais, o homem abusava do filho na residência da família no município Barro.

O abuso foi descoberto quando a criança comentou com os professores que o pai tocava em suas partes intimas. Funcionários da escola resolveram denunciar o caso na delegacia do município, que resolveu tomar as medidas cabíveis.

Após investigação, a Polícia foi a residência da família em busca do suspeito com membros do Conselho Tutelar. O homem foi preso e levado à Delegacia de Aurora para prestar depoimento. No local encontrava-se a mãe do menino, mas a Polícia não informou se ela tinha conhecimento dos abusos.  O suspeito foi autuado pelo crime de estupro de vulnerável.