Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O Ceará registrou mais de 24 mil raios nos três primeiros meses de 2017. Só em neste ano, de 1º de janeiro até o dia 23 de março, foram registrados 24.664 raios, número maior se comparado ao ano todo de 2016, quando foram registrados 22.596 descargas, como revela, em sua coluna Política & Economia, o jornalista Carlos Alberto Alencar.

Homem de negócios

O ex-governador Cid Gomes nega que tenha qualquer projeto de se candidatar ao Senador, nas eleições de outubro do próximo ano. “Eu estou preocupado apenas, pelo menos agora, voltado para os meus negócios e para os trabalhos da minha profissão de engenheiro civil, para ganhar o pão de cada dia, a fim de sustentar a minha família”. – garante.

Conexão Frankfurt

Camilo Santana reuniu-se, ontem, em Frankfurt, na Alemanha, pela primeira vez com a diretoria da Fraport AG, multinacional alemã que venceu o leilão para operar o Aeroporto Pinto Martins, em Fortaleza. “Foi um encontro importante para conhecermos as ideias da empresa. Eles estão muito empolgados com o Ceará e ficaram satisfeitos por termos realizado a reunião apenas uma semana após o leilão do aeroporto”, disse Camilo. A agenda contou com a participação do CEO da empresa alemã, Stefan Schulte, e do vice-presidente Christoph Nanke, além do presidente da Fiec, Beto Studart. Os alemães têm interesse na instalação do HUB da Latam em Fortaleza e seus diretores devem visitar o Aeroporto Pinto Martins já na primeira semana de abril.

Repúdio

Os promotores de justiça integrantes da força-tarefa que acompanhou a investigação da “Chacina do Curió”, repudiam, em nota, as acusações do deputado Capitão Wagner, na tribuna da Assembleia, de que “a delegada apontou fatos que não existiam nos autos e forjou localização geográfica nos mapas apresentados no processo”. O promotores consideram a declaração “temerária e incompatível com a seriedade que deve pautar os debates no parlamento estadual.”

Imparcialidade e rigor técnico

Ainda, na nota, eles garantem que a investigação foi feita pela Delegacia de Assuntos Internos da CGD com acompanhamento da força-tarefa do Ministério Público, “com plena imparcialidade, isenção e rigor técnico, ao tempo em que lamentamos que se busque politizar a mais grave chacina da história do Ceará.” Por fim, ressalta que a denúncia feita pelo MP foi recebida por um colegiado de juízes e que “todos os recursos apresentados pelos acusados foram indeferidos pelo Tribunal de Justiça do Estado e pelo Superior Tribunal de Justiça.”

Ela sabia, sim

Marcelo Odebrecht, ex-presidente da empreiteira e herdeiro do grupo, afirmou ao TSE, em depoimento no dia 1º de março, que a ex-presidente Dilma Rousseff sabia dos pagamentos de caixa dois à campanha eleitoral de 2014. Ele ainda afirmou que jamais recebeu pedido “específico” do presidente Michel Temer e apontou os ex-ministros Guido Mantega e Antonio Palocci como interlocutores dos repasses de caixa doi s ao PT. Parte do depoimento foi revelada pelo site “O Antagonista”.

Tiraram o sofá

Da última eleição para cá, quatro políticos foram assassinados em Aiuaba e nenhum criminoso foi preso. Providência da SSPDS: trocou toda a guarnição da cidade. Ação lembra o sujeito que pegou a mulher dele com outro no sofá da casa. Providência: tirou o sofá da sala…

Me aguarde…

Todo mundo dando ênfase à informação de que o Temer tirou os servidores públicos estaduais e municipais da reforma da Previdência Social. Não comemorem porque quem vai pegá-los serão as assembleias legislativas e as câmaras municipais.

Luta contra o câncer

O governo aprovou a isenção do ICMS dos produtos adquiridos pelo Instituto do Câncer do Ceará (ICC). A medida vale tanto para a obtenção de produtos hospitalares como materiais de construção, que serão utilizados na ampliação das instalações físicas do prédio. O superintendente ICC, Alberto Fiúza, informa que o benefício vai ampliar o número de atendimentos. “Vai mais que dobrar a nossa capacidade de atendimento. Vamos adicionar 269 novos leitos e trabalhar com o conceito de Pronto Atendimento Oncológico. O paciente que chega vai ter tudo o que precisa num só lugar para começar o tratamento”, disse.

Pode não ser, mas pode ser

Há, realmente, uma possibilidade de haver aumento de impostos para cobrir os buracos econômicos deixados pelos governo do PT, acredita presidente do CIC, Aloísio Ramalho Filho.  A expectativa do empresário baseia-se nas declarações que o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, vem dando nos últimos dias sobre o assunto. Meirelles não diz que sim, nem diz que não. Por seu lado, Ramalho Filho admite que o governo pode aumentar impostos. “A gente tem que acompanhar isso de perto, porque se as contas não estão fechando, o governo tem que tomar algumas medidas e essa poderá ser uma delas.” – adverte.
Olhando para o céu
A Enel Distribuição Ceará informa que registrou 3.424 raios somente na quarta-feira (22 de março) no Estado. Foi o dia com mais incidência de descargas atmosféricas do ano no Ceará. Santa Quitéria teve a maior incidência de raios no dia (190); seguido de Granja (159) e Morada Nova (159). Só em 2017, de 1º de janeiro até ontem (23), foram registrados 24.664 raios, número maior se comparado ao ano todo de 2016, quando ocorreram 22.596 descargas.

IML nos jornais

Estranha a publicação da Perícia Forense do Ceará, ex-IML, convocando os familiares a reclamarem o corpo de Raimundo Paulo Ribeiro. O anúncio já saiu pela quarta vez seguida. Quem era mesmo o morto?

Faz sentido

O presidente da Unimed Ceará, Darival Bringel, atribui ao desemprego a crise pela qual passam os planos de saúde. É que muita gente para de pagar e perde o plano de saúde quando fica desempregado. E já são mais de 12 milhões de desempregados no Brasil, um contingente e tanto de trabalhadores no olho da rua. Bringel prevê que a crise ainda vai perdurar por mais tempo.

Feliz da vida

Não existe entidade mais entusiasmada no Brasil com a regulamentação e liberação da terceirização do que a Federação Nacional das Empresas Prestadoras de Serviços de Limpeza e Conservação – Febrac. “Estamos muito felizes por conseguir finalmente regulamentar a terceirização, uma luta do setor desde a fundação da Febrac. A terceirização generalizou-se no mundo, avançando a passos largos na indústria, comércio, serviços, agricultura e no setor público. A combinação de tecnologia com terceirização ala vancou a competitividade das empresas, reduziu o preço dos bens e serviços para os consumidores e gerou muitos empregos para os trabalhadores”, comemora o presidente da federação, Edgar Segato Neto.