Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O presidente Michel Temer deve receber cerca de dez governadores nesta terça-feira, em um movimento para tentar demonstrar força política e oferecer um alívio financeiro aos caixas dos Estados.

O encontro está previsto para o Palácio da Alvorada, com a participação do ministro Henrique Meirelles (Fazenda) e do presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro.

A reunião tem como pauta a negociação de dívidas dos Estados com o governo federal, além da discussão sobre as condições das linhas de financiamento do BNDES para os governos locais.

Esse movimento, entretanto, é articulado pelo Palácio do Planalto como uma tentativa de reforçar a aproximação entre Temer e governadores de diversos partidos, em busca de apoio político para atravessar a crise que se abriu com as acusações feitas contra o presidente por empresários da JBS.

Um dos principais organizadores desse encontro é o governador de Goiás, Marconi Perillo, do PSDB. O partido sofre pressões de deputados e senadores para romper com Temer e entregar seus cargos na Esplanada dos Ministérios, mas os governadores da sigla defendem a manutenção do apoio ao peemedebista.Segundo aliados do presidente, 11 governadores já confirmaram presença no encontro.