Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

No contexto de isolamento social que estamos vivendo e a partir do tema escolhido para nortear as ações em 2020 – “Poéticas de Coexistência” –, o Porto Iracema das Artes inicia a partir de amanhã (2) e na quinta-feira (4) os encontros online “Poéticas de Coexistência: questões para formação em artes e virtualidades”. O evento online será transmitido simultaneamente pelo Youtube e o Facebook da Escola, sempre às 15h e 17h.

Na primeira rodada de debates, às 15h desta terça-feira, a partir do tema “Novas salas de criação para tempos remotos”, participam a dramaturga Ave Terrena (SP) e o ator Giordano Castro (PE), com mediação de Kelly Saldanha (CCBJ). Às 17h, o coreógrafo Marcelo Evelin (PI) e o diretor Marcio Abreu (PR/RJ) discutem o tema “Repensar o possível”, que terá mediação de Thereza Rocha (UFC).

Já na quinta-feira, 4 de junho, os diretores Adriana Schneider Alcure (RJ) e Abimaelson Santos (MA) discutem sobre “Partilhas e desafios para o ensino”. Quem vai mediar é Lucivânia Lima (URCA). Já às 17h, “Registros da cena e exibição virtual” orientam o debate entre a produtora Ana Oliveira (AM) e a crítica Daniele Avila Small (RJ), que terá mediação que terá mediação de Fran Teixeira (IFCE) e Francis Wilker (UFC).

A proposta dos encontros é a de ser um espaço virtual de reflexão que considere a urgência das produções culturais neste momento em que estamos isolados socialmente, mas que mire para além dela. Assim, eles serão divididos em atos e por linguagem. As proposições que surgirem nos debates serão sistematizas, com vistas à formulação de um projeto de Plataforma Pública de Formação em Artes, com previsão de entrar no ar em 2021.

PLATAFORMA DE FORMAÇÃO

O processo de reflexão de cada linguagem será dividido em três ATOS. Quatro mesas de debates constituem o ATO 1, que gerará questões a serem aprofundadas num fórum de debates no Facebook (ATO 2). O objetivo é que o fórum de debates gere sistematizações que serão apresentadas no ATO 3, um novo encontro, que terá um caráter de apontar indicativos para a Plataforma Pública de Formação em Artes, que está sendo preparada pela Escola.

A diretora de formação do Instituto Dragão do Mar/Porto Iracema das Artes, Bete Jaguaribe, observa a importância de uma reflexão mais complexa em torno de uma formação em artes, no ambiente virtual. “Com o Coexistências: questões para formação em artes e virtualidades, iniciamos o levantamento de indicadores com vistas à criação de uma plataforma pública de formação em artes, cujo foco não se restringe à disponibilização de conteúdo (cursos, palestras, espetáculos etc.), mas pretende instituir um espaço permanente de debate e experimentação de recursos, métodos e questões implicados na formação artística quando essa se dá na confluência entre o virtual e o presencial. Nessa perspectiva, assume-se esse momento, em toda sua complexidade, como ocasião para construir um legado cultural no âmbito da formação”.

A diretora também considera questões mais específicas a um projeto de formação pública no ambiente virtual. “A experiência do confinamento nos apresentou uma série de questões que devem pautar qualquer oferta pública de ensino, incluindo a que se refere ao campo das artes. Uma das questões mais importantes é a acessibilidade a esta oferta. No que se refere especialmente à formação em artes, o desafio que se coloca é: como lidar com a virtualidade se a presença física é dramaticamente fundamental nos processos artísticos?”.

Poéticas de Coexistência: questões para formação em artes e virtualidades

2 de junho (terça-feira)
15h – Novas salas de criação para tempos remotos
Ave Terrena (SP) e Giordano Castro (PE)
Mediação – Kelly Saldanha (CCBJ)

17h – Repensar o possível
Marcelo Evelin (PI) e Marcio Abreu (PR/RJ)
Mediação – Thereza Rocha (UFC)

4 de junho (quinta-feira)
15h – Partilhas e desafios para o ensino
Adriana Schneider Alcure (RJ) e Abimaelson Santos (MA)
Mediação – Lucivânia Lima (URCA)

17h – Registros da cena e exibição virtual
Ana Oliveira (AM) e Daniele Avila Small (RJ)
Mediação – Fran Teixeira (IFCE) e Francis Wilker (UFC)

Serviço

O quê: “Poéticas de Coexistência: questões para formação em artes e virtualidades”
ATO 1 – Artes Cênicas
Quando: 2 e 4 de junho, sempre às 15h e 17h
Onde acessar: YouTube e Facebook do Porto Iracema das Artes

Mais informações: http://www.portoiracemadasartes.org.br/

(*) Com informações da Assessoria de Imprensa do Governo do Ceará

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp