Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

ENTRE TANTAS RODADAS de negócios e prospecção de investimentos em sua viagem ao Oriente Médio, o governador Camilo Santana garantiu visita a uma das maiores plantas de dessalinização do mundo, em Sharjah, nos Emirados Árabes. A busca por uma refinaria, seja ela chinesa ou iraniana, vai demanda do Governo do Estado a garantia de fornecimento de um grande volume de água. Com os riscos constantes de anos seguidos de estiagem, como o que enfrentamos agora, utilizar  água doce seria uma temeridade para o investimento. Assim, a saída passa pela construção de uma usina de dessalinização da água do mar no mar do Pecém, onde a refinaria será instalada. Em breve, teremos novidades sobre os investimentos do Governo do Estado nessa área.

E os chineses?

MESMO COM ESSA PROSPECÇÃO feita com empresários iranianos, os chineses assumem a dianteira nas negociações pela instalação de uma planta de refino no Ceará. Em novembro de 2016, o governador assinou na China um Memorando de Entendimento com a multinacional de petróleo Guangdong Zhenrong Energy para realização de estudo – em andamento – sobre o projeto da refinaria do Ceará. Se concretizada, a previsão é de que a unidade de refino produza até 300.000  barris/dia, com investimento de 4 bilhões de dólares.

ZPE

A ZONA DE PROCESSAMENTO DE EXPORTAÇÃO, que compreende a área destinada à implantação da refinaria, está sendo apresentada pela comitiva cearense nesse giro pelo Oriente Médio como um grande diferencial para empresas parceiras que decidira ali se instalar. Em todos os encontros, a pauta ressalta as oportunidades de investimentos no Ceará através do Complexo Industrial e Portuário do Pecém e, claro, da ZPE.

Latam

A LATAM CARGO BRASIL inaugurou seu mais novo terminal de cargas em Fortaleza, na terça-feira. Resultado de investimento de R$ 4,1 milhões, o novo espaço é o maior da companhia no Nordeste e reforça o papel de destaque do Ceará na região.

Cargo

O NOVO TERMINAL possui capacidade para movimentação de cerca de 2 mil toneladas de cargas domésticas ao mês, um aumento de 33% em relação à 1,5 tonelada mensal do terminal anterior. A previsão da companhia é de que a nova estrutura dará
mais agilidade e qualidade aos serviços.

Mercado

O ESPAÇO atenderá principalmente os mercados do Norte e Nordeste do país. Entre as mercadorias mais transportadas em Fortaleza estão confecções, fármacos e perecíveis.

Atraso

OS TRABALHADORES que tentaram sacar, desde o último dia 11, a parcela de janeiro do seguro-desemprego não conseguiram. O governo não depositou os valores. O Ministério do Trabalho confirma falha, que teria ocorrido devido à correção do valor do benefício, que muda todos os anos no mês de janeiro. A parcela mínima acompanha o reajuste do salário mínimo.