Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O destaque para o setor das frutas desta quinta-feira no entreposto da Ceasa-CE em Maracanaú está no preço do abacate, vendido por R$ 4,00 o quilo, seguido do abacaxi, vendido a R$ 3,00 a unidade, da banana prata, vinda da região do Maciço de Baturité, com preço variando entre R$ 1,60 a R$ 1,80 o quilo ou entre R$ 15,00 a R$ 20,00 o cento.

O caju permanece sendo vendido a R$ 2,00 o quilo, a goiaba a R$ 2,40 o quilo e a manga tomy está com preço em queda, R$ 2,20 o quilo. Já o maracujá está custando R$ 4,50 o quilo, o melão japonês R$ 2,00 o quilo e a tangerina a R$ 3,00 o quilo.

Nas hortaliças, a alface está variando entre R$ 1,80 a R$ 2,00 a unidade, o repolho R$ 2,70 o quilo, o hortelã é encontrado por R$ 11,00 o quilo e a cebolinha e coentro R$ 1,00 o par.

Preço em destaque também para o chuchu, comercializado a R$ 1,20 o quilo, a abóbora de leite, caboclo e jacarezinho a R$ 1,50 o quilo, o pimentão extra está sendo vendido a R$ 2,50 o quilo, o tomate cajá por R$ 2,40 o quilo e o tomate longa vida por R$ 3,20 o quilo.

No setor de raízes, bulbo e rizoma, preço bom para a batata-doce, R$ 1,80 o quilo, alho nacional a R$ 17,00 o quilo, a cebola, em plena colheita no Vale do São Francisco, está custando R$ 2,00 o quilo e a cenoura extra vendida a R$ 3,20 o quilo. O feijão de corda está custando R$ 5,60 o quilo e o queijo coalho permanece com preço elevado, variando de R$ 24,00 a R$ 25,00 o quilo.

(*)com informação do Governo do Estado do Ceará