Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, anunciou, nesta quinta-feira (2) uma nova ação de proteção social e alimentar que beneficia um conjunto de 341 mil famílias mais vulneráveis na Capital. Em uma live na rede social Facebook, o prefeito destacou que a entrega de kits alimentares para famílias de estudantes da rede municipal e ensino continuará neste mês, mas com uma novidade, a entrega adicional de itens que restaram no estoque da prefeitura para as 50 mil famílias mais vulneráveis entre as 203 mil famílias já beneficiadas com o primeiro lote de kits alimentares.

Roberto Cláudio anunciou também que outras 138 mil famílias que são registradas no programa de assistência social Bolsa Família, mas que não estavam dentro dos critérios iniciais necessários para o recebimento do primeiro lote de kits alimentares, passarão a receber uma cesta básica mensal. 

“Com isso (a ampliação do benefício), nós conseguiremos alcançar 341 mil famílias mais vulneráveis para garantir o essencial, o fundamental para a sobrevivência, que é a alimentação”, afirma Roberto Cláudio.

Inicialmente, o benefício da entrega de cestas básicas para as 138 mil famílias acontecerá por 2 meses, sendo realizado juntamente com a entrega dos kits alimentares das 203 mil famílias em vulnerabilidade social na capital. Conforme o anuncio do prefeito, a entrega de ambos os materiais ocorrerá nos dias 20 a 30, em abril e entre os dias 20 e 31 de maio.

Kits alimentares

A distribuição dos kits alimentares tem o objetivo de complementar a alimentação dos alunos da rede pública municipal durante o período de suspensão das aulas, em decorrência do enfrentamento ao coronavírus. A distribuição do primeiro lote começou no dia 23 de março e terminou nessa quarta-feira (1º). De acordo com o prefeito de Fortaleza, o segundo lote deve ser entregue entre os dias 20 e 30 de abril. 

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp