Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

“A conta não pode cair em cima dos mais necessitados, principalmente do agricultor rural. Foi, assim, que se expressou, durante reunião da bancada do PSB com o ministro da Fazenda, Henrique Meireles, e com o secretário da Previdência, Marcelo Caetano, o deputado Danilo Forte. Danilo Forte defendeu a necessidade de uma reforma, mas pediu novas alternativas para a aposentadoria do trabalhador rural.

Durante o encontro, Danilo explicou que 85% da população brasileira moram no meio urbano e isso, segundo ele, gera toda uma crise social nas cidades, com a falta de oportunidades e o aumento da violência. ‘’Garantir que o homem do campo possa continuar no campo, significa manter tradição cultural e também diminuir a incidência da violência na cidade grande”, observou o parlamentar.

Danilo Forte ressaltou, ainda, que o Ceará enfrenta o seu 5º ano de seca. “Se não aconteceu saque foi graças ao Bolsa Família e a aposentadoria rural, essa última entendida como benefício. São os benefícios que garantem o dinheiro na hora que a pessoa mais necessita”, explica. Em sua fala, o ministro da Fazenda, Henrique Meireles, admitiu a possibilidade de haver dialogo sobre a aposentadoria rural.

Com informações da assessoria de imprensa do Gabinete do deputado Danilo Forte (PSB).

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp