Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos está na lista das 17 estatais que serão privatizadas ainda este ano. O anúncio foi feito nessa quarta-feira e ainda precisa do aval do Congresso. Cerca de 183 agências espalhadas pelo interior e mais 12 na capital cearense serão afetadas com a mudança. A região do Cariri também conta com uma agência, no centro de Juazeiro do Norte.

Nas justificativas que constam de estudo para privatizar os Correios, o Ministério da Economia aponta corrupção, interferências políticas na gestão da empresa, ineficiência, greves constantes e perda de mercado para empresas privadas na entrega de mercadorias vendidas pela internet.

Em junho deste ano, o Supremo Tribunal Federal decidiu que o governo não pode vender estatais sem aval do Congresso e sem licitação quando a transação implicar perda de controle acionário.

De acordo com o presidente Jair Bolsonaro, o Correios e mais 16 empresas vão entrar primeiro no Programa de Parceria de Investimentos, para depois começar o processo de privatização, que se encerra ainda neste ano.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp