Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Pelo menos 1.500 profissionais da saúde ligados à Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa) foram afastados por doenças respiratórias, de acordo com o titular da pasta, Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho, o Dr. Cabeto.

Os dados mais atuais mostram que o Ceará contabilizou 1.748 casos de Covid-19, de acordo com a Secretaria da Saúde do Estado. Mais duas mortes foram confirmadas e o número de óbitos pela doença chegou a 85.

Diante da baixas em médicos e enfermeiros, o Dr. Cabeto afirma que a Sesa tem buscado realizar uma melhor distribuição dos profissionais. O secretário também declarou que o estoque de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) “vai até o fim de abril” e precisa ser reposto.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp