Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Câmara dos Deputados analisa um projeto de lei que assegura a estudantes de baixa renda o direito de ocupar metade das vagas ociosas em universidades ou em institutos públicos federais. De acordo com o projeto, para ter acesso às vagas, o estudante precisa comprovar que a renda total de sua família é igual ou inferior a 1,5 salário mínimo por pessoa.

O texto altera a Lei de Cotas e já foi aprovado pelo Senado. O projeto é de autoria do senador Styvenson Valentim (Podemos-RN), que defende que o projeto tem potencial para gerar resultados educacionais positivos ao País.

Para entrar em vigor, o projeto será analisado em caráter conclusivo pelas comissões de Educação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp