Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A Comissão de Desenvolvimento Econômico, Indústria, Comércio e Serviços debate hoje a relevância do sistema “S” e os novos desafios para 2019. O debate será realizado a pedido do deputado Glaustin Fokus (PSC-GO).

O parlamentar lembra que o sistema “S” trabalha paralelamente ao Estado na busca pela ampliação do acesso à educação e profissionalização dos brasileiros, facilitando o alcance ao efetivo emprego. “Os Serviços Sociais Autônomos são um dos principais agentes de educação profissional do país, voltados para os setores da Agricultura, Comércio, Cooperativismo, Indústria e Transporte”, acrescenta.

Ele lembra que o sistema tem papel de destaque no apoio aos pequenos negócios de todo o País, com soluções para empresas e indústrias brasileiras, o que favorece a competitividade e sustentabilidade dos empreendimentos nacionais.

Foram convidados: 

– o diretor de Educação e Tecnologia da Confederação Nacional da Indústria, Diretor Superintendente do SESI e Diretor Geral do SENAI, Rafael Lucchesi;

– o vice-presidente da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo e representante do SESC, SENAC e Fecomércio-GO, Francisco Valdeci de Souza Cavalcante;

– o presidente da Confederação Nacional do Transporte e dos Conselhos do Serviço Social do Transporte e do Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte, Vander Franciso Costa;

– o diretor de Operações do SESI do Estado do Pará, Paulo Mol;

– o analista do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Juarez de Paula;

– o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviço e Turismo do Pará, Sebastião de Oliveira Campos.

 

 

*com informações da Agência Câmara Notícias

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp