Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O requerimento de pedido de urgência para votação do Projeto de Decreto Legislativo que tem como objetivo, impedir o aumento de quase 25% na conta de energia dos cearenses, avança na Câmara dos Deputados. Segundo o autor do PDL, Domingos Neto (PSD), já há assinaturas suficientes para votar essa solicitação.

“Conseguimos as assinaturas necessárias para a urgência do projeto de lei que susta o aumento da luz no Ceará e outros estados do Nordeste. Muitos líderes estão do nosso lado e amanhã vamos tentar pautá-lo”, informou.

O parlamentar cearense informou ainda, nesta segunda-feira, 25, que já entrou em contato com presidente da casa, o deputado Arthur Lira (Progressistas-AL), para que o assunto seja discutido no colégio de líderes nesta terça-feira, 26 e entre na pauta de votações da Câmara.

“A nossa expectativa é que seja pautada (o requerimento) ainda esta semana”, disse, em relação ao encontro semanal entre as lideranças dos partidos que tem assentos no parlamento com Lira. São eles que definem a pauta de votação.

Os líderes dos partidos na Câmara que apoiaram a iniciativa de Domingos Neto são: Antônio Brito (PSD-BA), André Fufuca (Progressitas-MA), Altineu Cortes (PL-RJ), Renildo Calheiros (PCdoB-PE), Reginaldo Lopes (PT-MG) e Vinicius Carvalho (Republicanos-SP).

O aumento de 24,85% na tarifa mensal de luz foi autorizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) à Enel, concessionária do serviço de iluminação no Ceará e está em vigor desde o dia 22 de abril.

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp